DEFENDENDO SEUS DIREITOS
Fale com o advogado: Dr. Rubens Rodrigues - 065-9 9934-2124 (Whats) e 3624-6237
Fale com o advogado: Dr. Raphael Alves - 065-9 8134-4167 (Whats) e 3624-6237

INSTITUCIONAL: Trabalho de juiz federal de Mato Grosso é selecionado para Série Monografias 2018

A tese de doutorado do juiz federal Pedro Francisco da Silva, da 4ª Vara Federal da Seção Judiciária de Mato Grosso (SJMT), foi selecionada para integrar a edição 2018 da Série Monografias. O magistrado também está convocado para atuar em auxílio ao gabinete do desembargador federal Ney Bello, sem prejuízo de suas funções na vara mato-grossense. O Centro de Estudos Judiciários do Conselho da Justiça Federal (CEJ/CJF) pulgou a relação dos quatro trabalhos acadêmicos a serem publicados. O Edital 2017/00006, de chamada para seleção de publicações, foi lançado em outubro do ano passado. Confira os trabalhos selecionados: 1) A JUDICIALIZAÇÃO DA ÉTICA (tese de doutorado) Autor: George Marmelstein Lima – juiz federal SJ/CE Previsão de publicação: junho/2018 2) A IMUNIDADE DE EXECUÇÃO DE ESTADOS ESTRANGEIROS: fundamentos para flexibilização (dissertação de mestrado) Autor: Caroline Medeiros e Silva – juíza federal SJ/RJ Previsão de publicação: agosto/2018 3) TRIBUTAÇÃO AMBIENTAL: NORMAS TRIBUTÁRIAS IMANTADAS POR VALORES AMBIENTAIS (tese de doutorado) Autor: PEDRO FRANCISCO DA SILVA – juiz federal SJ/MT Previsão de publicação: outubro/2018 4) O ATIVISMO JUDICIAL E SEUS REFLEXOS NA SEGURIDADE SOCIAL (dissertação de mestrado) Autor: FERNANDA SOUZA HUTZLER – juíza federal SJ/SP Previsão de publicação: dezembro/2018 Série Monografias – A Série Monografias é uma coleção editada pelo CEJ, conta com as versões impressa e eletrônica pulgadas no portal do CJF e acesso livre e gratuito. A coletânea tem o objetivo de oferecer espaço de publicação para profissionais do Direito e acadêmicos pulgarem suas dissertações de mestrado e teses de doutorado sobre temas relevantes para a Justiça Federal, em especial, ou para o Judiciário, em geral, com vistas a estimular o estudo e a produção intelectual. Com informações do CJF Assessoria de Comunicação Social Tribunal Regional Federal da 1ª Região
16/05/2018 (00:00)
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitantes  186170